Instituto Histórico e Geográfico de Minas Gerais

Código: 5.10.84.5991

Nº SNIIC: SP-15963

O Instituto Histórico e Geográfico de Minas Gerais é uma entidade civil de caráter cultural e cientifico, sem fins lucrativos, fundado em 15.08.1907.

Site: http://www.ihgmg.org.br

Email para divulgação: ihgmg@ihgmg.org.br

Telefone para divulgação: (31) 3212-4656

Informações Adicionais de Contato:
https://twitter.com/IGerais

Endereço: Rua dos Guajajaras, 1268, Sobreloja, Centro, 30180-101, Belo Horizonte, MG

CEP: 30180-101

Logradouro: Rua dos Guajajaras

Número: 1268

Complemento: Sobreloja

Bairro: Centro

Município: Belo Horizonte

Estado: MG

Território Cultural (para utilização do Sistema de Museus):

Descrição

O Instituto Histórico e Geográfico de Minas Gerais é uma associação civil de natureza privada, de caráter cultural, educacional, científico e sem fins lucrativos. Foi criada em 15 de agosto de 1907, tendo entre seus fundadores o primeiro presidente Dr. João Pinheiro da Silva, então presidente do Estado de Minas Gerais.
Segundo seu estatuto, tem por finalidade promover estudo, pesquisa, divulgação e consultoria, em áreas da cultura, como História, Geografia e ciências afins, Antropologia, Genealogia e Língua Portuguesa.
A Lei Estadual no 21.131, de 08 de janeiro de 2014, destacou a importância do IHGMG, facultando aos setores da administração pública estadual consultá-lo sobre os mais diversos assuntos da História Mineira.
Trata-se da mais antiga entidade privada cultural do Estado de Minas Gerais, sendo que até 2019 são completados 112 anos de atuação, fundado que foi em 15 de agosto de 1907, como fruto do entusiasmo cívico e cultural da primeira década da República, por influência de um movimento de intelectuais da então novel capital Belo Horizonte, sob a liderança do Dr. João Pinheiro da Silva, então Presidente do Estado de Minas Gerais, logo eleito primeiro Presidente da entidade e depois tornado seu patrono perpétuo.
Seu corpo associativo é composto de 100 cadeiras destinadas a associados efetivos. Outras categorias são as dos correspondentes, honorários e beneméritos.
Conta com uma biblioteca com acervo de cerca de 29 mil volumes, com destaque para a História de nosso Estado, merecendo realce documentos raros, todos a exigirem melhores acomodação e conservação.
A biblioteca faz parte do novo Centro de Documentação, que é integrado por quatro outros setores, também carentes de acomodações condignas: hemeroteca, mapoteca, medalhística/honrarias e videoteca.
É aberto a pesquisas acadêmicas e estudantis, publica uma Revista e trabalha também em parceria com órgãos e instituições públicas e privadas.
Funciona em sede própria, a Casa de João Pinheiro, na rua dos Guajajaras, nº 1268, em Belo Horizonte.
Sua documentação básica tem sido relacionada em suas publicações e referenciada em suas relações com entidades públicas e privadas.
Seguem a relação de tais documentos com reprodução de alguns textos, quais sejam Leis, Atos, Resoluções, Contratos e Estatuto, edição de 2016.
evento entre e Baixar Planilha

O Museu encontra-se: aberto

Horário de funcionamento: De segunda a sexta-feira das 13h30 às 17h30.

Entrada

Entrada é cobrada: não

Acessibilidade

Acessibilidade física:

Acessibilidade para pessoas com deficiências auditivas e visuais:

Atendimento aos turistas estrangeiros:

Instalações

Instalações básicas e serviços oferecidos:

Capacidade do teatro/auditório (assentos): 120

O museu possui arquivo histórico? sim

O arquivo tem acesso ao público? sim

O Museu possui biblioteca? sim

A biblioteca tem acesso ao público? sim

O museu promove visitas guiadas? não

Atividades educativas e culturais

O museu realiza atividades educativas e culturais para públicos específicos? s

Em caso positivo, especifique: escolha a(s) que mais se adeque(m)

Esfera: Privada

Tipo de Esfera: Associação

Ano de abertura: 1907

Instrumento de criação:

Descrição:

Tipo: Tradicional/Clássico

O museu é de caráter comunitário? sim

Temática: História

Para solicitar o Registro de Museus é simples. Basta seguir estes três passos:

  • 1. Preencher e assinar o Formulário de Solicitação de Registro, ao final da página.
  • 2. Fotocopiar os documentos solicitados (vide lista abaixo de acordo com a natureza administrativa da instituição).
  • 3. Reunir o Formulário devidamente preenchido e a documentação solicitada e entregar a documentação na sede do Ibram em Brasília ou enviar por correio com aviso de recebimento para o seguinte endereço:


    Instituto Brasileiro de Museus – Ibram
    Cadastro Nacional de Museus (CNM)
    Setor Bancário Norte, Quadra 02, Bloco N, 1º Subsolo
    Cep: 70040-020 – Brasília – DF

Documentação Necessária:
Museu Público Federal
  • CPF e RG (autenticados em cartório) do responsável pelo museu;
  • Documentação que comprove que o titular do RG e do CPF enviados é o responsável pelo museu, que poderá ser através de termo de posse, ato de nomeação, ou outro documento congênere;
  • CNPJ do museu ou da instituição mantenedora;
  • Instrumento de criação do museu ou outro documento oficial da instituição à qual o museu esteja subordinado/vinculado;
  • Termo de Solicitação do Registro preenchido.
Museu Público Estadual, Municipal e Distrital
  • CPF e RG (autenticados em cartório) do responsável pelo museu;
  • Documentação que comprove que o titular do RG e do CPF enviados é o responsável pelo museu, que poderá ser através de termo de posse, ato de nomeação, ou outro documento congênere;
  • CNPJ do museu ou da instituição mantenedora;
  • Instrumento de criação do museu ou outro documento oficial da instituição à qual o museu esteja subordinado/vinculado;
  • Termo de Solicitação do Registro preenchido.
Museu Privado
  • CPF e RG (autenticados em cartório) do responsável pelo museu;
  • Documentação que comprove que o titular do RG e CPF enviados é o responsável pelo museu, que poderá ser através de termo de posse, ato de nomeação, ou outro documento congênere;
  • CNPJ do museu ou da instituição mantenedora (com personalidade jurídica);
  • Instrumento de criação do museu ou outro documento oficial da instituição à qual o museu esteja subordinado/vinculado;
  • Termo de Solicitação do Registro preenchido.
ATENÇÃO!
  • As despesas de autenticação e envio deverão correr por conta do museu solicitante;
  • O museu deverá manter atualizados todos os seus dados junto ao Registro de Museus, enviando toda a documentação comprobatória de qualquer alteração das informações já fornecidas;
  • No caso de inexistência de documento oficial que declare quem é o responsável pelo museu, será admitido como comprovação documento que contenha tal informação assinado pelo representante máximo da instituição mantenedora. Nessa situação, o representante máximo da instituição mantenedora deverá enviar cópia do seu RG, do CPF (autenticados em cartório) e documento oficial que declare sua ocupação neste cargo;
  • Museus que possuem filiais ou seccionais em endereços de visitação diferentes deverão responder um questionário para cada unidade.